Você que anda pensando em estudar Medicina Veterinária vai gostar de saber: essa é uma das opções de carreira mais promissoras, pois a profissão é muito abrangente e está em plena expansão! No texto a seguir apresentaremos 3 possibilidades de atuação bastante promissoras e falaremos um pouco sobre o atual mercado. Confira!

 

Saúde Pública: O papel do veterinário especializado em saúde pública é desempenhado de diferentes maneiras, todas visando a promoção da saúde humana com a missão de participar do controle e profilaxia das doenças animais que atingem os seres humanos. A formação em Medicina Veterinária torna o profissional apto a desenvolver atividades relacionadas à epidemiologia, bem como o prepara para agir ativamente na luta contra as zoonoses. O veterinário atua ainda na vigilância sanitária, realizando inspeção e controle dos produtos de origem animal.

Clínica e Cirurgia: Nesse segmento entram tanto profissionais que prestam atendimento (consultas ou cirurgias) a animais de estimação, quanto animais selvagens, exóticos e de produção. Ao terminar a graduação, o profissional deve procurar por uma especialização ou um mestrado e investir em cursos de curta duração na área escolhida. Para isso, residências médico-veterinárias são ótima pedida por priorizarem a prática e aproximarem o graduado de sua área de trabalho.

 

Nessa carreira há vagas até para homeopatas, dentistas e profissionais especializados em Medicina Legal para animais. Como os pets são considerados cada vez mais “da família” e os donos não pensam duas vezes na hora de investir em produtos de qualidade e tratamentos de ponta quando os mascotes precisam de cuidado, esse é um campo que tem tudo para garantir boas oportunidades.

 

Tecnologia de Produção Animal: O veterinário é um profissional muito requisitado na Região Sul do país, especialmente em estados cuja economia é fortemente ligada ao agronegócio, como Santa Catarina. Na área rural, o veterinário intervém de forma decisiva na produção de alimentos, aplicação de técnicas de seleção genética, prevenção de doenças, no manejo e na nutrição animal.

Mercado de Trabalho

As áreas de maior demanda em medicina veterinária referem-se aos cuidados com a saúde dos animais e às indústrias que manejam alimentos de origem animal.

De acordo com a Associação Brasileira da indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), o Brasil é o segundo maior mercado pet do mundo, o que favorece a busca por profissionais da área.

O agronegócio é outra área aquecida. Nela, o graduado atua em parceria com agrônomos e zootecnistas na melhoria das condições de saúde de rebanhos. Na indústria de produtos de origem animal faltam veterinários para adequar as condições de produção às normas de exportação. Há ainda boas chances na indústria de medicamentos e de produtos veterinários.

Com um mercado bastante favorável, a média salarial para um veterinário no início de carreira pode variar entre R$ 2.700 a R$ 5.400.

 

A formação na área de Medicina Veterinária se dá por meio da graduação em nível superior, com duração de 10 semestres e conta com diversos campos de atuação. Conheça mais sobre o curso e se prepare para o vestibular!
Leia mais
Carregar mais Carreiras

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Mindful Eating ou o “comer consciente”

*Por Aline Cristina P. A. de Melo Esta prática integra a ciência da meditação com a ciênci…